Leia a crítica sobre o CD "15 Abismos" no site "Brazil Metal"

"O Rio de Janeiro é conhecido pela a sua boa cena de death e black metal... Mas o que vemos com o Vilipendio é um som que eu acho ser difícil de ser encontrado por lá: uma mistura de punk, hardcore e thrash. A banda formada por Ricardo Caufield (vocal), Marcio Bukowski (guitarra), Marcelo Ramiro (baixo) e Nilson Guimaraes (bateria), apresentando seu primeiro cd, intitulado 15 Abismos. O álbum foi gravado durante 99 e 2000, e foi produzido por um grande nome do metal brasileiro: Carlos Lopes (Dorsal Atlântica). Fica difícil de caracterizar mais especificamente o estilo da banda, podemos dizer que como influências aqui neste cd estão: Ramones, Ratos de Porão, Motorhead e até um pouco de Slayer. As letras da bandas são 100%"politizadas" e cantadas em português. Destaque para o vocal de Ricardo Caulfield, que mistura tons agressivos, rápidos com outros mais normais e cadenciados. O timbre da guitarra poderia ser melhor escolhido, e a bateria poderia estar mais saliente - são este os únicos 2 problemas do álbum 15 Abismos. Para uma produção independente, o cd está muito bem apresentado, o encarte muito bom e a gravação boa. 15 Abismos apresenta 15 músicas (será que foi proposital?) sendo que é muito difícil destacar alguma, para quem gosta de algo mais punk/hardcore tem as músicas mais curtas como Paraíso e Verde e Amarelo. Para os fãs mais do thrash/hardcore, tem outras que são melhores na minha opinião: De Olhos Bem Abertos, Oração para os Invejosos, Ambição e A Realidade É... Enfim, à todos os fãs do estilo, é um trabalho que deve ser atentamente ouvido!"

Nota final: 8,5 Paulo Finatto Jr.

http://www.brazilmetal.cjb.net

Voltar